sábado , 13 julho 2024
Capa » Esportes » Atlético-MG goleia Caracas e consegue 1ª vitória brasileira na Libertadores
Atlético-MG goleia Caracas e consegue 1ª vitória brasileira na Libertadores

Atlético-MG goleia Caracas e consegue 1ª vitória brasileira na Libertadores

No Estádio Olímpico de la Universidad Central de Venezuela, o Atlético-MG passeou na etapa inicial, goleou o Caracas por 4 a 1 e conquistou a primeira vitória brasileira na atual edição da Libertadores.

Os gols do Galo foram marcados por Bruno Fuchs, Guilherme Arana e Paulinho (duas vezes). Danny Pérez descontou para os venezuelanos.

O triunfo do Atlético foi o primeiro de um time brasileiro na Libertadores. Até o momento, foram três empates e duas derrotas, além da vitória mineira.

Com a vitória, o Galo assumiu a liderança do Grupo G, com três pontos. Rosario Central e Peñarol completaram a primeira rodada da chave, com vitória dos argentinos por 1 a 0.

Agora, o Atlético-MG entra em campo no próximo domingo (7) e enfrenta o Cruzeiro no jogo de volta da final do Campeonato Mineiro. A bola rola a partir das 15h30 (de Brasília). Já pela Libertadores, o Galo joga na próxima quarta-feira (10) e recebe o Rosario Central, às 19h.

COMO FOI O JOGO

Domínio do Galo e bola na rede! Desde o início, o Atlético-MG controlou todas as ações. Aos cinco minutos, Hulk quase marcou gol antológico de antes do meio-campo, mas errou a pontaria por pouco.

Sem se esforçar, o Galo abriu o placar. Aos 11, Bruno Fuchs aproveitou desvio após o escanteio e finalizou para inaugurar o marcador.

Mais dois gols em ritmo de treino! Aos 19, o time brasileiro chegou com Hulk, mas o zagueiro venezuelano tirou em cima da linha.

Empolgado, o Atlético-MG não demorou para marcar o segundo. Aos 31 minutos, Guilherme Arana soltou a bomba após rebatida dentro da área e estufou a rede. Já aos 43, Paulinho completou cruzamento de Arana e anotou o terceiro do Galo.

Susto do time da casa! Logo aos oito minutos da etapa final, o Caracas descontou e marcou com Danny Pérez, que aproveitou rebote da defesa de Everson e do toque no travessão para deixar o dele.

Resposta imediata do Galo! Já com muitas substituições pensando na final do estadual, o Atlético-MG reagiu rápido e freou qualquer chance de recuperação do adversário.

Aos 24 minutos, Paulinho aproveitou corte errado do zagueiro Edel e chutou firme para confirmar a goleada. Já aos 27, Hulk tentou deixar o dele, mas teve gol anulado após impedimento na origem do lance.

FONTE: FOLHA PRESS

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

quatro × três =