Untitled Document
 
 
 
 
 • Notícias
Floriano
Teresina
Brasil
Veja todas
 • Esportes
Futebol - Piauiense
Futebol - Brasileiro
Veja todas
 • Entretenimento
Agenda
Galeria de fotos
Vídeos
Mural de recados
 • Serviços
Anuncie
102 On-Line
Busca de CEP
Bloco Furacão
Eu to na Farra
FlorianoNet
Igreja Batista
 • Enquetes

Qual assunto você quer no reporteramarelinho.com.br?

Saúde (26.9%)
Concursos (15.9%)
Vagas de emprego (13.9%)
Política (15.9%)
Cultura (14.1%)
Esportes (13.3%)
 



noticia

15/05/2019 às 13h00min - Atualizada em 15/05/2019 às 13h00min
Luis Orlando - Floriano(PI)
TAMANHO DA FONTE A- A+
Estudantes e professores de Floriano protestam contra corte de verbas na educação

Estudantes, professores e servidores de instituições federais e estaduais de Floriano protestaram na manhã desta quarta-feira (15) contra o bloqueio no repasse de verbas para educação anunciado pelo Ministério da Educação (MEC). Outras cidades do país também registram atos nesta quarta.

A manifestação ocorre desde as 7h30. Um grupo se concentrou na Praça Coronel Borges, em frente à Câmara Municipal de Floriano. Por volta das 9h00, os participantes saíram em passeata em direção à Praça Dr. Sebastião Martins.

No local aconteceram discursos contra os sucessivos cortes no repasse de verbas na educação, anunciados pelo Ministério da Educação.

Em entrevista, o professor do Instituto Federal do Piauí (IFPI), André Melo, explicou que o corte afeta diretamente mais de 80% dos estudantes do Campus de Floriano.

“82% dos alunos do IFPI de Floriano tem uma renda familiar abaixo de um salario e meio”, disse. O educador declarou ainda o governo de Jair Bolsonaro está cometendo um grave erro ao lesar a educação.

“Ele mexeu com a esperança de um povo, porque não tem País que tenha esperança sem passar pela educação”, finalizou.

Bloqueio de verba

Em abril, o Ministério da Educação divulgou que todas as universidades e institutos federais teriam bloqueio de recursos. Em maio, a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) informou sobre a suspensão da concessão de bolsas de mestrado e doutorado.

De acordo com o Ministério da Educação, o bloqueio é de 24,84% das chamadas despesas discricionárias, aquelas consideradas não obrigatórias, que incluem gastos como contas de água, luz, compra de material básico, contratação de terceirizados e realização de pesquisas. O valor total contingenciado, considerando todas as universidades, é de R$ 1,7 bilhão, ou 3,43% do orçamento completo, incluindo despesas obrigatórias.

Floriano News






  OUTRAS NOTÍCIAS
21/05/2019 - Ex-gerente de Floriano assume Armazém Paraíba na cidade de Picos
20/05/2019 - SEMDAS realiza ação pelo Dia Nacional de Enfrentamento à Exploração Sexual em Floriano
19/05/2019 - Barão de Grajaú recebe Plano Municipal de Saneamento Básico
18/05/2019 - Floriano recebe ação do Maio Amarelo e de combate à Exploração Sexual
17/05/2019 - ACRIMEP divulga programação da 49ª Feira Agropecuária de Floriano
16/05/2019 - Comunidade participa da abertura dos festejos de São Pio de Pietrelcina em Floriano
15/05/2019 - Estudantes e professores de Floriano protestam contra corte de verbas na educação
14/05/2019 - Sesc discute realização do "Dia do Desafio" em Floriano
13/05/2019 - Sesc Floriano celebra o Dia das Mães com programação recreativa
12/05/2019 - Diocese de Floriano celebra Dia das Mães com missas em todas as paróquias


2008 Reporter Amarelinho - Todos os direitos reservados
Desenvolvimento: Eutonafarra.com.br e G10HOST